Coniacc

agenda
15
Fevereiro
00:00 - NACIONAL - RN

DIA INTERNACIONAL DE LUTA CONTRA O CÂNCER NA INFÂNCIA

20
Fevereiro
00:00 - Rio de Janeiro - RJ

Vídeo da Campanha do Dncci 2016 no programa Bem Estar da Rede Globo

08
Março
09:27 - NATAL - RN

DIA INTERNACIONAL DE MULHER

eventos
 
vídeo
Talento e diagnóstico: importante identificar precocemente

23 de novembro é o DNCCI – Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil.

Parceiros
Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer de Piauí
|
Tamanho da Letra:

A Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer existe de fato desde 1954, quando o eminente professor Henrique Melega, cancerologista de São Paulo, Presidente da Associação Paulista de Combate ao Câncer veio a Teresina para auxiliar na Campanha de Combate ao Câncer a convite do Governo do Estado do Piauí e do então presidente da Sociedade Piauiense de Combate ao Câncer, Dr. Ulisses Coelho Marques.

Nesta época foi criado um Comitê Feminino, transformado mais tarde em Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer.

O principal objetivo das duas instituições sempre foi o combate através do apoio e suporte aos pacientes e a promoção de campanhas de prevenção ao câncer.

Somente em 08 de abril do ano de 1986 a Rede Feminina foi instalada oficialmente, tendo seu estatuto sido registrado em cartório na data de 06 de abril de 1987.

Utilidade Pública Municipal: lei n° 2007 de 29 de maio de 2000.

Utilidade Pública Estadual: lei nº 4143 de 23 de outubro de 1987.

Utilidade Pública Federal Portaria nº 874 de 24 de maio de 2007.

Hoje, a Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer do Piauí conta com cerca de 80 voluntárias e divide seu trabalho em várias vertentes. Possui diretoria executiva composta pelos cargos de presidente, vice-presidente, 1ª tesoureira, 2ª tesoureira, 1ª secretária e 2ª secretária, conselho fiscal e assembléia geral das voluntárias como órgão deliberativo. Esta diretoria executiva é formada por voluntárias eleitas de acordo com o estatuto da associação.

Esta entidade desenvolve atualmente cinco projetos inteiramente gratuitos:

1. Projeto Alertar: informa e orienta através de palestras e campanhas educativas a sociedade em geral sobre a prevenção do câncer;

2. Projeto Alimentar: distribui diariamente leite em pó, cestas básicas e lanches aos pacientes em situação de vulnerabilidade social, que estão em tratamento quimioterápico e radioterápico;

3. Projeto Aliviar: disponibiliza diariamente; medicamentos e exames diversos não subsidiados pelo SUS - Sistema Único de Saúde, doutores da amizade e festividades comemorativas;

4. Projeto Abrigar: acomoda, apóia e visita pacientes carentes em residências, pensões e principalmente na Casa de Apoio à Criança com Câncer – Lar de Maria;

5. Projeto Apoiar: oferece suporte aos pacientes transplantados, custeia reformas na moradia desses pacientes e os fornece alimentação adequada.

A Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer do Piauí também é responsável pela Casa de Apoio à Criança com Câncer – Lar de Maria, inaugurada em junho de 2000.

Nesta casa são amparadas crianças portadoras de câncer e seu responsável, que se encontra em vulnerabilidade social, provenientes do interior do Piauí e de outros estados, durante o tratamento oncológico em Teresina. O Lar de Maria oferece hospedagem, alimentação, material de higiene pessoal, roupas, calçados, brinquedos, cestas de alimentos, auxílio para aquisição de medicamentos, viabiliza o transporte dos pacientes por meio da compra de passagens, atividades sócio-educativas e lazer.

Essa unidade de atendimento funciona como um ponto de apoio para o paciente em Teresina e ela representa um avanço da Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer do Piauí trazendo enormes benefícios a todos aqueles que dela necessitam durante o tratamento e contribuindo para a elevação da autoestima dos pacientes.

O Lar de Maria não gera qualquer tipo de ônus para o paciente e seu acompanhante no processo de tratamento a que estão submetidos.

A Rede Feminina Estadual de Combate ao Câncer do Piauí desenvolve suas atividades contando com o apoio de voluntários e de funcionários. Estes, principalmente lotados na casa de apoio Lar de Maria, e também, no serviço de telemarketing da entidade.

Toda a manutenção destes projetos é efetuada graças às doações captadas pelas voluntárias e pelo telemarketing por meio de campanhas realizadas durante o ano inteiro.

Missão: Atuar com excelência na prevenção do câncer e assistir os pacientes e familiares.

Valores:Credibilidade, organização, comprometimento e respeito à pessoa.

 

 

 

 

Diretoria

DIRETORIA EXECUTIVA

Presidente: Carmen Lúcia Castelo Branco Rocha Campelo.

Vice - Presidente: Maria da Graça Medeiros Benigno de Andrade.

1ª tesoureira: Magaly Rios Carneiro Soares.

2ª tesoureira: Lenora Conceição Lopes Campelo Vieira.

1ª secretária: Tânia Maria de Araújo Lima Cardoso.

2ª secretária: Maria José Portela.

Contato
Avenida São Raimundo, 1000 / Piçarra / Teresina - PI / CEP: 64017-090
Telefone:
(86)3215-9650
Fax
(86)3226-2323
www.redefemininapi.org.br
contato@redefemininapi.org.br
Fale Conosco

Todos os direitos reservados à CONIACC
Confederação Nacional de Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer

Endereço: Rua Clementino Câmara, 234, Barro Vermelho - Natal/RN - CEP: 59030-330
Tel: (84) 40061603 / (84) 40061606